0

Enem 2021

Você sabe o que é o Enem? Sabe como que o mesmo funciona? Apresenta conhecimento sobre para que ele serve? Ou então, sabe alguma informação sobre o Enem do ano de 2021?

Bom, as questões que foram mostradas e citadas no parágrafo a cima, podem ser vistas com muita frequência e também as mesmas são feitas por aquelas pessoas, que apresentam nenhum ou pouco conhecimento sobre o assunto.

Portanto, se você é uma das milhares de pessoas, que além de apresentarem muitas dúvidas sobre esse assunto, também apresentam interesse em entender e conhecer melhor o mesmo, saiba que você está no lugar certo.

Sem contar com o fato de que, as informações que você terá acesso aqui nesse mesmo artigo, serão mostradas da melhor forma possível, tanto de forma organizada para você não se perder, como de forma explicativa e explícita.

Como que o Enem foi criado?

Bem, o Exame Nacional do Ensino Médio, foi criado basicamente pelo Ministério da Educação (ou também conhecido como MEC) no ano de 1998.

O programa vem crescendo cada vez mais no Brasil, e no ano de 2020 foram registradas mais de 2,8 milhões de inscrições no mesmo.

Onde o principal objetivo do mesmo, era principalmente avaliar os domínios e também as competências dos alunos que haviam terminado o ensino médio, ou seja o fim da escolaridade básica.

Um fato que pode ser importante e legal de se ressaltar, é que em seu primeiro ano de atuação e aplicação, o Enem receber em torno de 157 mil inscrições.

Até  o ano de 2008, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)  era aplicado em apenas um domingo, onde pessoas que estavam participando respondiam em cerca de 63 questões que eram objetivas e também elaboravam e escreviam uma redação.

A partir da edição do programa em 2009, o mesmo foi ampliado para um final de semana, sendo assim aplicado no sábado e no domingo. É importante que também foi aumentado o número de questões, que subiu para 180 e mais uma redação.

Mas desde o ano de 2017, o Enem vem sendo aplicado em dois domingos.

O que é o Enem?

Uma coisa que muitos não sabem, é que Enem na verdade é uma sigla, usada para abreviar as seguintes palavras; Exame Nacional do Ensino Médio.

O mesmo é conhecido nos dias de hoje, como o maior e mais conhecido exame educacional de todo o país, sem contar que o mesmo é a principal forma e porta para a entrada de vários estudantes para a faculdade ou universidade.

Fazendo assim, com que o Enem seja a maior prova e a mais realizada de todo o Brasil.

Ela recebe a sua aplicação de forma anual para mais de cinco milhões de estudantes do ensino médio, ou seja, a cada ano mais de cinco milhões de estudantes, realizam a prova para conseguir entrar em uma faculdade ou em uma universidade.

Uma coisa que é importante estar lembrando, é que a mesma acontece em dois domingos consecutivos e é separa por áreas, que no total são em quatro, que são as seguintes:

  • Linguagens e Códigos: Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação;
  • Ciências Humanas: matérias de História, Geografia, Filosofia e Sociologia;
  • Ciências da Natureza: conteúdos de Química, Física e Biologia;
  • Matemática: questões de matemática no geral

e também na grande maioria das vezes é cobrado uma redação.

Além de ser a principal porta de entrada e acesso ao ensino superior, o Enem também é usado para que possa ser realizado uma espécie de avaliação, tanto em relação ao desempenho, quanto em relação a qualidade do ensino que o país recebe.

Sendo assim uma ferramenta que auxilia a determinação e a avaliação de desempenho dos estudantes ao redor do país, para que, caso seja necessário, possa ser realizada a implementação de certas políticas consideradas públicas na área da educação do mesmo.

Uma coisa que vale ser ressaltada, é que em cada uma das áreas é possível se encontrar 45 questões de múltipla escolha. Fazendo assim com que, o Enem seja construído por 180 questões de múltipla escolha e mais uma redação.

Em relação a redação, existe um fator que deve ser lembrado, que é basicamente o fato de que a cada ano a mesma deve apresentar um tema diferente.

Como por exemplo, no ano passado (2019) o tema exigido para se realizar a redação do Enem, era “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”.

E pelo fato de que esse mesmo tema, muda a cada ano, como foi dito anteriormente pode ser importante com que você entre e acesse o site oficial do programa.

Pois lá, será possível com que você encontre muitas coisas, tanto informações sobre a prova em si, quanto em relação as datas que acontecerão e também o tema que será a redação.

Sem contar com o fato de que, você saber qual o tema da redação poderá fazer com que você consiga escrever a mesma de forma mais fácil, já que ao acessar o site anteriormente a aplicação da prova, você poderá ter tempo para estudar sobre o assunto.

Por que fazer o Enem?

Realizar o Enem pode ter algumas vantagens, onde a principal é basicamente o fato de que é por meio do mesmo, que uma serie de estudantes, conseguem vagas para poderem participar de concursos que foram criados pelo Governo Federal do país, para que assim os mesmos possam ter a chance de ter acesso ao ensino superior.

Onde alguns desses mesmos concursos, que os estudantes que fazem o Enem podem ter acesso, são os seguintes:

  • Pro Uni (Programa Universidade para Todos): realizam o oferecimento de diferentes tipos de bolsas de estudos, tanto integrais, quanto parciais para instituições escolares particulares;
  • Fies (Fundo de Financiamento Estudantil): que oferece e concede o financiamento sem juros, ou em certos casos com juros muito baixos, em faculdades particulares;
  • SiSU (Sistema de Seleção Unificada): que realiza a oferta de vagas, para instituições de ensino públicas para os participantes do Enem;

Já em relação a são as coisas que você pode ter acesso ao realizar o Enem, também são consideradas muitas. E por serem muitas, a seguir você poderá ter acesso a algumas das principais delas.

  • Bolsas de estudos no Pro Uni;
  • Vagas em universidades ou faculdades pública sem precisar fazer vestibular, com o SiSU;
  • Financiar usando o FIES;
  • Complementar o seu Vestibular;
  • Substituir o Vestibular;
  • Entre outros!

Para mais informações, você pode estar acessando o site oficial do Enem, pois lá além de você poder encontrar as respostas para as suas dúvidas, você também poderá ter acesso a muitas outras informações.

Quais são as faculdades que aceitam o Enem?

Você sabe quais são as instituições de ensino, que aceitam a nota do Enem para disponibilizar tanto vagas nelas, quanto bolsas de estudos? Se a sua resposta for não, você não precisa se preocupar.

Isso pelo simples fato de que a seguir, você terá tanto acesso a lista das principais instituições de ensino, que apresentam uma espécie de parceria com o Enem, quanto terá acesso ao link para acessar e ir diretamente para o site oficial das mesmas para ter acesso a mais informações. Portanto veja só a seguir:

  • Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais
  • Universidade de Franca (UNIFRAN) – a distância
  • Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)
  • Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) – a distância
  • Centro Universitário do Distrito Federal (UDF) – a distância
  • Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) – a distância

Quem pode se inscrever no Enem?

Todos aqueles estudantes, que ainda estão realizando o ensino médio e aqueles que já terminaram todo o processo de ensino básico, podem realizar as suas inscrições no Enem.

Existe ainda aqueles alunos que estão no 1º e no 2º ano do ensino médio que também podem realizar o Enem, mas a diferença é que os mesmos participam apenas como uma espécie de treino.

Isso significa que, os mesmos não poderão usar a nota que for obtida para ter acesso ao ensino superior, ou seja, com as notas eles não poderão entrar nas faculdades ou universidades, por ser apenas um treino.

Aqueles alunos de supletivos e os que foram aprovados no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (ENCCJA) também podem ter acesso a realizar a prova do Enem.

Quando e onde deve acontecer as inscrições

Bom, as inscrições para realizar a prova do Enem são abertas de forma anual e geralmente acontecem no primeiro semestre do ano, onde na maioria das vezes é no mês de maio.

As pessoas que apresentam interesse em realizar as inscrições, devem fazer as mesmas dentro do prazo que é definido geralmente pela central do programa, ou seja o Ministério da Educação (ou também conhecido como MEC).

Já em relação a onde esse processo deve acontecer de forma correta e organizada no site oficial do Enem. Onde no mesmo você pode além de realizar a sua inscrição, você pode ter acesso a mais informações sobre a prova em si, como por exemplo: qual será o tema da redação, a data correta de quando irá acontecer a prova, entre algumas outras.

Para que você possa acessar e ir diretamente para o site oficial do Enem, você pode clicar aqui.

Enem 2021

O Instituto de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), realizou o anuncio nessa quarta- feira (6/5) que a partir do ano de 2021, o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) terá uma versão em espécie seriada. Mas é importante lembrar que o mesmo não irá deixar de existir.

Os estudantes terão a opção de optar por usar e realizar a prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (ou também chamado de Saeb), em cada um dos anos de ensino, ao invés de realizarem o Enem.

Ao realizar a conclusão do ensino médio, a pontuação que poderá ser obtida por meio das três provas, poderá também ser usada para ingressar na universidade ou na faculdade.

No ano de 2021, o Enem Seriado contemplará e abordará o conteúdo que foi estudado e visto no primeiro ano do ensino médio. Já no ano seguinte, da primeira e segunda série, e em 2023, das três etapas do ensino médio no total.

Os estudantes que realizaram a prova da 1ª série do ensino médio no ano de 2021, poderão concorrer a vagas do ensino superior em 2023, quando realizarem a ultima prova.

A princípio, as notas que poderiam ser obtidas a partir do Enem Seriado poderão ser usadas especialmente no Programa Universidade para Todos (o famoso ProUni) e também no Fundo de Financiamento Estudantil (que também é muito conhecido como Fies).

A utilização que poderá ser feita da nota no Sistema de Seleção Unificado (ou também chamado e conhecido como SiSU) dependerá somente da adesão das instituições de ensino que são consideradas públicas de ensino superior do país.

Como serão as provas no ano de 2021?

As provas do Saeb, serão feitas de forma digital para aqueles estudantes a partir do 5º ano do ensino fundamental I, incluindo também os alunos do ensino médio.

O exame será e poderá ser feito por meio de tablets, que serão levados especialmente pelas Secretarias de Educação até as escolas em que as provas serão aplicadas.

A prova do Saeb será aplicada em mais de um dia, fazendo assim com  que um mesmo tablet (que será como as provas serão realizadas) seja usado por mais de um aluno.

Essa nova fase do Enem e a sua nova versão (Enem Seriado) foi anunciado juntamente com a reformulação que será feita no Saeb, que estará completando 30 anos no ano de 2020.

Segundo alguns dados do Inep, a nova versão que está por vir do Saeb permitirá com que se tenha certas estimativas consideradas mais precisas da proficiência dos alunos que estarão realizando a prova, fazendo assim com que, tanto a redução no tempo da coleta de dados para estudo, quanto divulgação dos resultados obtidos pelos alunos, possa finalmente ser realizado

Caso você esteja interessado em realizar o Enem, você pode estar acessando o site oficial do mesmo, para que assim, além de você poder ter acesso a mais informações que estão relacionadas com o mesmo, lá é possível também que você realize a sua inscrição.

 

Colunista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *